ANÁLISE DAS PRODUÇÕES ACADÊMICAS DO EPEPE SOBRE CRIANÇAS DE 0 A 6 ANOS

Karla Wanessa Carvalho de Almeida, José Marinho de Souza Neto, Cibele Maria Lima Rodrigues

Resumo


A Educação Infantil passou por modificações, o que lhe imprimiu uma identidade que entrelaça as crianças e suas infâncias na garantia do direito subjetivo de se ter educação, dialogando com as pluralidades regionais do Brasil em seus modos de educar e cuidar. O objetivo dessa exposição consiste em apresentar uma análise dos discursos das produções acadêmicas vinculadas no Encontro de Pesquisa Educacional em Pernambuco, no eixo Educação de Crianças de 0 a 6 anos. Nessa intenção, nos inspiramos em elementos da metapesquisa na dimensão reflexiva (MAINARDES, 2016), e na análise do discurso de Fairclough (2001).  A análise ocorreu em blocos temáticos, buscando indicar as regularidades discursivas. Nesse contexto, as regularidades apontaram que as especificidades (sujeitos, concepções, práticas pedagógicas, outros) da Educação Infantil, ligam-se as “assunções de caráter ideológico” (FAIRCLOUGH, 2001, p.111). E como tal, podemos, neste âmbito, relacionar os espaços de ausências nas construções discursivas do EPEPE, uma delas aponta que a Creche, compreendida enquanto campo de pesquisa (teórica ou empírica) esteve ausente nos discursos das publicações durante todas as edições do evento.


Palavras-chave


Crianças; EPEPE; Discurso.

Texto completo:

PDF

Referências


CARVALHO, Rosângela Tenório. Educação Republicana e Qualidade social da educação. In Reunião Anual da ANPEd, 33, 2010, Caxambu. Disponível em: https://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http://33reuniao.anped.org.br/33encontro/app/webroot/files/fileTrabalhos%2520em%2520PDF/GT05-6998--Intpdf&ved=2ahUKEwi9nvjilJLcAhVJvJAKHVQgBeEQFjAAegQIBBAB&usg=AOvVaw12t7q8tsyygPRKj5WO7yAd Acesso em: 09. Jul. 2018.

FAIRCLOUGH, Norman. Discurso e Mudança Social. Brasília: Universidade de Brasília, 2001.

FOUCAULT, Michel. A arqueologia do saber. Tradução de Luiz Felipe Baeta Neves, 6 ed., Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2002 p. 136.

MAINARDES, Jefferson. A Pesquisa sobre Política Educacional no Brasil: Análise de Aspectos Teórico-Epistemológicos. Educação em Revista. Belo Horizonte n.33. 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/edur/v33/1982-6621-edur-33-e173480.pdf Acesso em: 22. Jun. 2018.

_________., & Tello, C. (2016). A pesquisa no campo da política educacional: Explorando diferentes níveis de abordagem e abstração. Arquivos Analíticos de Políticas Educativas 24(75). Disponivel em: https://www.researchgate.net/profile/Jefferson_Mainardes/publication/305348695_A_Pesquisa_no_Campo_da_Politica_Educacional_Explorando_Diferentes_Niveis_de_Abordagem_e_Abstracao/links/57941f9008aec89db7996d97/A-Pesquisa-no-Campo-da-Politica-Educacional-Explorando-Diferentes-Niveis-de-Abordagem-e-Abstracao.pdf?origin=publication_detail Acesso em: 22. Jun. 2018.

MINAYO , Maria Cecília de Souza (org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 28. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2009. (Coleção temas sociais)

SAVIANI, Dermeval. O plano de Desenvolvimento da Educação: análise do projeto do MEC. Educação & Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, p. 1231, out. 2007. Disponivel em: http://www.scielo.br/pdf/es/v28n100/a2728100.pdf Acesso em 05. Jul. 2018.

TELLO, C.; MAINARDES, J. La posición epistemológica de los investigadores en política educativa: debates teóricos en torno a las perspectivas neomarxista, pluralista y pos-estructuralista. Archivos Analíticos de Políticas Educativas, v. 20, n. 9, p. 1-37, mar. 2012. Disponível em:https://epaa.asu.edu/ojs/article/view/988/942 Acesso em: 09.Jul. 2018.




DOI: https://doi.org/10.33148/CES2595-4091v.34n.220191786

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Autor, concedendo à revista o direito de primeira publicação

ISSN:2595-4091

 

Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Atribuição (BY): Os licenciados têm o direito de copiar, distribuir, exibir e executar a obra e fazer trabalhos derivados dela, conquanto que deem créditos devidos ao autor ou licenciador, na maneira especificada por estes.