MIGRAÇÃO INTERESTADUAL DE RETORNO: EVIDÊNCIAS PARA O ESTADO DO CEARÁ – 1986-2010

Silvana Nunes de Queiroz, Rosana Baeninger

Resumo


Historicamente o Ceará caracteriza-se como área de perda populacional (FERREIRA, 2007). Contudo, a partir da década de 1980, com a crise econômica que abalou o país e, durante os anos 1990, com o aumento do desemprego e da informalidade, o Ceará seguiu na contramão, com crescimento econômico acima da média nacional e regional, gerando postos de trabalho formais. Diante dessa conjuntura, as perdas líquidas populacionais se arrefeceram (AUTOR, 2003). Nesse sentido, este artigo tem como objetivo demonstrar a importância da migração interestadual de retorno para o Ceará e contribuir com o estudo minucioso dessa modalidade migratória. Os microdados dos Censos Demográficos de 1991, 2000 e 2010 são a principal fonte de informações. Os principais resultados mostram que, nos três períodos estudado, durante dois quinquênios (1986/1991 e 2005/2010) o Ceará recebeu a maior proporção de retornados no conjunto do país, com participação de 51,83% e 43,61% do total da sua imigração, respectivamente. Somente no interregno 1995/2000 a Paraíba (49,17%), ligeiramente, superou a sua participação (48,17%). Em relação à origem, como esperado, o maior volume era procedente do estado de São Paulo, representando, em parte, o refluxo de tendências passadas. Na verdade tal dinâmica relaciona antigas e novas articulações, através das tradicionais correntes migratórias (Ceará-São Paulo) e a modalidade migratória retorno (São Paulo-Ceará). Portanto, São Paulo ao mesmo tempo atraiu e expulsou a população cearense, num movimento caracterizado por constantes idas e vindas, fluxos e refluxos, com comportamento diferenciado do observado no passado recente.


Palavras-chave


Migração; Retorno; Ceará

Texto completo:

PDF PARA IMPRESSÃO

Referências


AMARAL, A. E. P.; NOGUEIRA, R. A. M. A volta da Asa Branca e as primeiras impressões de retorno. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 8., Belo Horizonte, 1992. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1992. v. 3. p. 201-212.

ANDRADE, A. S. C.; DEDECCA, C. S. Gênero, migração e trabalho nos mercados metropolitanos das regiões Nordeste e Sudeste. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 13., 2002, Ouro Preto. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2002.

APARÍCIO, C. A. P.; QUEIROZ, S. N. de. Mercado de trabalho pós-crise: comparação entre as Regiões Metropolitanas de São Paulo e Fortaleza - 2009 e 2010. In: ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS DO TRABALHO-ABET, 12., 2011, João Pessoa. Anais...João Pessoa, 2011.

ASSIS, R. S.; SIQUEIRA, L. B. O. O fenômeno da migração de retorno no Brasil e no estado da Paraíba: uma análise para o período censitário de 1986-1991. In: ENCONTRO DE ECONOMIA BAIANA, 7., 2011, Salvador. Anais… Salvador: Abad, 2011.

BAENINGER, R. A nova configuração urbana no Brasil: desaceleração metropolitana e redistribuição da população. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 12., 1998, Caxambu. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1998.

______. Região, metrópole e interior: espaços ganhadores e espaços perdedores nas migrações recentes – Brasil, 1980-1996. 1999. 243f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1999.

______. Migrações internas no Brasil no século 21: entre o local e o global. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 18., 2012, Águas de Lindóia. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2012.

BRITO, F. População, espaço e economia: uma perspectiva histórica. 1997. 280f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 1997.

BRITO, F.; CARVALHO, J. A. M. As migrações internas no Brasil e as novidades sugeridas pelos Censos Demográficos de 1991 e 2000 e pelas PNADs recentes. Parcerias Estratégicas, Brasília, v. 22, p. 441-455, 2006.

BRITO, F.; RIGOTTI, J. I.; CAMPOS, J. A mobilidade interestadual da população no Brasil no início do século XXI: mudança no padrão migratório? Belo Horizonte: Centro de Desenvolvimento e Planejamento, 2012. v. 465. (Série Texto para Discussão).

CAMARANO, A. A. et al. Análise demográfica da região Nordeste. In: PACHECO, C. A.; PARRATA, N. (Org.). Dinâmica demográfica regional e as novas questões populacionais no Brasil. Campinas: Editora da Unicamp, 2000. p. 153-216.

CARLEIAL, A. N. Cultura migratória. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 23., 2002, Ouro Preto. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2002.

COSTA, M. O. Formalização do emprego e inserção precária: duas faces do mercado de trabalho da RMF. Fortaleza: IDT, 2011. 50 p.

CUNHA, A. S. Migração de retorno num contexto de crise, mudanças e novos desafios. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 22., 2000, Caxambu. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2000.

CUNHA, J. M. P. da. (Des) continuidades no padrão demográfico do fluxo São Paulo/Bahia no período 1970/1991: qual o efeito da crise? In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 11., out. 1998, Caxambu. Anais... Caxambu-MG: Abep, 1998. p.605-626.

CUNHA, J. M. P. A.; BAENINGER, R. Cenários da migração no Brasil nos anos 90. Cadernos do CRH, Salvador, v. 18, n. 43, p.87-91, 2005.

DEBIAGGI, S. D. Homens e mulheres mudando em novos espaços: famílias brasileiras retornam dos EUA para o Brasil. In: DEBIAGGI, S. D.; PAIVA, G. J. (Org.). Psicologia, e/imigração e cultura. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2004. p. 135-164.

DOMENACH, H.; PICOUET, M. El caracter de reversibilidad en el estudio de la migración. Notas de Población, Santiago, n. 49, p. 49-69, 1990.

DUSTMANN, C.; KIRCHKAMP, O. The optimal migration duration and activity choice after remigration. Journal of Development Economics, Amsterdam, v. 67, n. 2, p. 351-372, 2002.

GAMA, L. C. D. O programa Bolsa Família pode influenciar a decisão por migrar? Uma análise para o estado de Minas Gerais. In: SEMINÁRIO SOBRE A ECONOMIA MINEIRA, 15., 2012, Diamantina. Anais… Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora, 2012.

IBGE. Censo Demográfico 2010. Rio de Janeiro, 2011. (Microdados).

_____. Censo Demográfico 2000. Rio de Janeiro, 2001. (Microdados).

_____. Censo Demográfico 1991. Rio de Janeiro, 1992. (Microdados).

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). Situação social nos estados: Ceará. Brasília, 2012. Disponível em: . Acesso em: 27.04.2012.

JARDIM, M. L. T.; BARCELLOS, T. M. M. Migrações no Rio Grande do Sul. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE MIGRAÇÕES, 7., 2011, Curitiba. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2011.

JUSTO, E. R.; FERREIRA, R A. Migração interestadual no Brasil: perfil do retornado: evidências para o período de 1998-2008. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 18., 2012, Águas de Lindóia. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 2012.

LYRA, M. R. S. O processo de migração de retorno no fluxo Pernambuco-São Paulo-Pernambuco. 2003. 258f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2003.

MAGALHÃES. M. V. O Paraná e suas regiões nas décadas recentes: as migrações que também migram. 2003. 195f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2003.

MARTINE, G. Adaptação dos migrantes ou sobrevivência dos mais fortes? In: MOURA, H. A. (Coord.). Migração interna: textos selecionados. Fortaleza: Banco do Nordeste, 1980. p. 949-974.

______. A redistribuição espacial da população brasileira durante a década de 80. Rio de Janeiro: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 1994. v. 329. (Série Texto para Discussão).

MATOS, R. E. S. Seletividade de migrantes pela procedência e fatores explicativos: o caso de Belo Horizonte. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 10., 1996, Belo Horizonte. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1996. v. 2. p. 1033-1056.

NERI, M. C.; Pobreza e políticas sociais na década da redução da desigualdade. Nueva Sociedad, Buenos Aires, n. esp., p. 53-75, 2007.

QUADROS, W. J. Em 2009 a heterodoxia afastou a crise social. Belo Horizonte: Centro de Desenvolvimento e Planejamento, 2011. v. 189. (Série Texto para Discussão).

QUEIROZ, S. N. Migração para o Ceará nos anos 90. 2003. 113f. Dissertação (Mestrado em Economia) – Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2003.

______. Migrações, retorno e seletividade no mercado de trabalho cearense. 2013. 251f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2013.

QUEIROZ, S. N.; BAENINGER, R. Tendências recentes das migrações cearenses: o caso da migração de retorno. In: BAENINGER, R. A. (Org.). População e cidades: subsídios para o planejamento e para as políticas sociais. Campinas: Núcleo de Estudos de População, 2010. v.1. p. 253-275.

QUEIROZ, S. N.; COSTA JUNIOR, M. P. Diferenças e semelhanças entre os empregados na indústria formal de calçados no Ceará e no Rio Grande do Sul - 1994/2004. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 16., 2008, Caxambu. Anais … Rio de Janeiro: Abep, 2008.

RIBEIRO, J. T. L.; CARVALHO, J. A. M. A imigração para Minas Gerais no período 1981/1991, com especial enfoque na migração de retorno. In: ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 11., out. 1998, Caxambu. Anais... GT2, ST8. Caxambu-MG: ABEP, 1998. p.855-868.

RIBEIRO, J. T. L.; CARVALHO, J. A. M.; WONG, L. R. Efeitos demográficos da migração de retorno: uma proposta metodológica. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 10., 1996, Caxambu. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1996a.

______. Migração de retorno: algumas possibilidades de mensuração. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 10., 1996, Caxambu. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1996b.

RIGOTTI, J. I. R. Técnicas de mensuração das migrações a partir de dados censitários: aplicação aos casos de Minas Gerais e São Paulo. 1999. 142f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte, 1999.

RIPPEL, R. Migração e desenvolvimento econômico no Oeste do Estado do Paraná: uma análise de 1950 a 2000. 2005. 250f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2005.

SAYAD, A. A imigração ou os paradoxos da alteridade. São Paulo: Edusp, 1998.

SCALON, C. Exclusão social e mobilidade no Brasil. Brasília: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 2005. p. 113-132.

SERRANO, F. L. P.; SUMMA, R. F. Política macroeconômica, crescimento e distribuição de renda na economia brasileira dos anos 2000. In: ENCONTRO INTERNACIONAL DA ASSOCIAÇÃO KEYNESIANA BRASILEIRA, 4., 2011, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: AKB, 2011.

SCOTT, R. P. O retorno ao Nordeste: refugo, família e reprodução. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 4., 1986, Águas de São Pedro. Anais… Rio de Janeiro: Abep, 1986. v. 2.

SILVA FILHO, L. A. da; QUEIROZ, S. N. de; CLEMENTINO, M. L. M. Mercado de trabalho cearense: desemprego e desempregados - quem são eles? In: REUNIÓN NACIONAL DE INVESTIGACIÓN DEMOGRÁFICA EN MÉXICO, 11., 2012, Aguascalientes. Anais... Aguascalientes, 2012.

SILVEIRA NETO, R. M. Do public income transfer to the poorest affect internal inter-regional migration? Evidence for the case of Brazilian Bolsa Família program. In: ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA DA ANPEC, 36., 2008, Porto Seguro. Anais… Porto Seguro: Anpec, 2008.

SIQUEIRA, L. B. O.; MAGALHÃES, A. M.; SILVEIRA NETO, R. M. Uma análise da migração de retorno no Brasil: perfil do migrante de retorno, a partir do Censo de 2000. In: ENCONTRO REGIONAL DE ECONOMIA DA ANPEC, 11., 2006, Fortaleza. Anais… Fortaleza: Anpec, 2006.

SOARES, W. Da metáfora à substância: redes sociais, redes migratórias e migração nacional e internacional em Valadares e Ipatinga. 2002. 344f. Tese (Doutorado em Demografia) – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2002.

VADEAN, F.; PIRACHA, M. Circular migration or permanent return: what determines different forms of migration? IZA Discussion Papers, Bonn, n. 4.287, p. 1-26, 2009.

ZHAO, Y. Causes and consequences of return migration: recent evidence from China. Journal of Comparative Economics, Beijing, v. 30, n. 2, p. 376-394, 2002.




DOI: https://doi.org/10.33148/CES2595-4091v.33n.220181767

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Autor, concedendo à revista o direito de primeira publicação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

ISSN:2595-4091

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.